O novo formato adotado pela Esalflores é uma alternativa para manter o fornecimento dos produtos ao público durante o período de quarentena

Seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) para combater a epidemia global do novo coronavírus, muitas pessoas têm adotado o regime de quarentena e passado o máximo de tempo possível em suas residências, já  que o isolamento social é, até o momento, a maneira mais eficaz de atenuar o processo de contágio da doença.

O contexto exigiu também que diversas empresas e estabelecimentos comerciais adaptassem suas operações para manter o funcionamento dos negócios, e muitas delas acabaram recorrendo aos recursos tecnológicos e mídias sociais para reformular o modelo de comercialização durante esse período tão conturbado. É o caso da Esalflores, maior rede de floriculturas do país, que acaba de lançar uma opção exclusiva de venda via chamada de vídeo.

O Vídeo Guia, como o sistema foi batizado pela Esalflores, funciona da seguinte forma: o cliente realiza uma vídeo chamada com a floricultura por meio de um número de WhatsApp. Na sequência, ele será atendido por um vendedor que estará no interior da loja matriz da Esalflores, em Curitiba (PR), e que mostrará pelo vídeo as opções de plantas, vasos, flores, acessórios e demais artigos disponíveis, além de tirar todas as dúvidas sobre o cuidado e cultivo do item adquirido.

A finalização da compra é gerada para pagamento em cartão de crédito ou via picpay e o produto é entregue sem custos, no endereço que o cliente solicitar, respeitando todas as indicações sanitárias de higiene e segurança.

“Estamos com a equipe reduzida desde o início do surto de coronavírus no Brasil, entretanto não podemos cancelar totalmente as atividades, pois trabalhamos com produtos vivos, naturais e perecíveis que exigem manutenção diária. Por isso, tivemos a ideia do Vídeo Guia, que é uma maneira segura e responsável de manter a loja em funcionamento garantindo a saúde dos nossos clientes e colaboradores”,  comenta o diretor geral da Esalflores, Bruno José Esperança. Além da novidade, a floricultura ainda disponibiliza as vendas por telefone e via e-commerce pelo site da marca.

“Para nós, é muito importante manter o suprimento do nosso serviço para o público, já que em um momento de reclusão, nós julgamos que cultivar plantas em casa e manter um contato com a natureza pode ajudar muito as pessoas que querem atravessar de maneira um pouco mais leve esse período tão conturbado”, completa o empresário.

Para entrar em contato com a Esalflores pelo Vídeo Guia, basta adicionar o número (41) 3091-0403 na lista de contatos do WhatsApp e realizar uma vídeo chamada. Mais informações sobre produtos e funcionamento no site www.esalflores.com.br e no telefone (41) 3091-0403.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui