A transmissão, que contará com a participação da oncologista pediátrica Ana Paula Kuczynski, vai ao ar na próxima quarta-feira, dia 26, às 17h

A importância do diagnóstico precoce nos casos de câncer infantil será o tema da próxima live promovida pelo Hospital Pequeno Príncipe, na próxima quarta-feira, dia 26, a partir das 17h. Desta vez, a transmissão ao vivo, realizada via perfil da instituição no Instagram (@hospitalpequenoprincipe), contará com a presença da oncologista pediátrica, Ana Paula Kuczynski, que também responderá as perguntas encaminhadas anteriormente pelas redes sociais institucionais.

A especialista coordena a Residência Médica em Cancerologia Pediátrica do Pequeno Príncipe e faz parte da equipe do Setor de Oncologia Pediátrica do Hospital, também é professora do Departamento de Pediatria da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR) e membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica.

Sobrevida

Ainda que represente apenas 3% dos tumores em geral, o câncer na infância e na adolescência é a principal causa de morte entre pessoas na faixa etária de 1 a 19 anos. E diferentemente do que acontece em adultos, não existem formas de prevenir a doença em crianças e adolescentes, mas a boa notícia é que a sobrevida de pacientes dessa idade pode chegar até 80%.

Referência

Pioneiro, há mais de 50 anos, no tratamento de crianças e adolescentes com doenças oncológicas, o Serviço de Oncologia Pediátrica do Pequeno Príncipe oferece cuidado humanizado e multidisciplinar para pacientes com idades entre 0 e 18 anos. Também é considerado o maior serviço pediátrico do Paraná na área, de acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde, sendo que cerca de 80% dos tratamentos são realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O Hospital também é referência no tratamento de tumores sólidos e doenças hematológicas malignas e não malignas do Brasil.

Live

Voltada ao público em geral, a transmissão ao vivo dá continuidade à iniciativa que visa, durante o período de pandemia, atender um dos princípios do Pequeno Príncipe que é a disseminação do conhecimento, além de reforçar seu papel de referência no atendimento pediátrico e na proteção de criança e adolescentes. As lives são realizadas a cada 15 dias. O retorno às aulas em meio ao cenário de pandemia, as infecções de repetições e as alergias alimentares foram os temas já abordados pelos médicos do Hospital e os conteúdos estão disponíveis nos destaques do perfil da instituição no Instagram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui